Trabalhar na Suíça: conheça o processo inteiro!

Suíça é um dos países que mais tem a economia estável do mundo, contudo, encontrar um emprega por lá e bem interessante. Trabalhar na Suíça é a chave para o sucesso em sua carreira. Todo o ano pessoas de diferentes nacionalidades fixam seus pés em alguma cidade da Suíça, com a esperança de uma vaga. O governo Suíço incentiva a abertura de diversas vagas para imigrantes do mundo todo, principalmente os brasileiros. Confira como trabalhar na Suíça e encontre as oportunidades de emprego no país.

O que os imigrantes procuram para trabalhar na Suíça?

Todos os anos muitos imigrantes seguem seu sonho em busca de uma vida melhor em países como a Suíça. No entanto, todos esses, incluindo os brasileiros que estão indo para lá em busca de estabilidade, empregos melhores e qualidade de vida. Apensar de encontrarem muito mais que isso, este são os principais pontos que os imigrantes desejam.

Mercado de trabalho na Suíça

De acordo com algumas informações, a Suíça estava com mais de 147 mil pessoas desempregadas no anos de 2017. Mas, com iniciativas governamentais, abriram-se novas oportunidades e em torno de 180 mil novas vagas de emprego. 

Com isso, nos anos próximos as vagas aumentaram estimadamente no país, tornando assim também, um mercado cheio de demanda de vagas. Entretanto, os profissionais que mais obtiveram aumento na demanda de vagas foram eletricistas e profissionais da área da saúde. Além disso, o setor de tecnologia da informação com conhecimento na área de TI é bastante procurado.  

Brasileiros trabalhando na Suíça

Você pode encontrar uma grande gama de empresas brasileiras na Suíça e muitas commodities com filial em nosso país. Com isso, há um aumento da procura por profissionais de língua portuguesa para trabalhar nessas empresas. Além desse setor há também uma grande demanda no setor bancário. Mas, é necessário saber como encontrar essas vagas, pois, tem um processo longo e burocrático para trabalhar e permanecer na Suíça.

Uma dica: Para você que quer muito morar fora, trabalhar em países da Europa ou mesmo dos Estados Unidos deve ter ciência de ser um imigrante legal, então fique por dentro desses detalhes. 

Seja um imigrante legal para poder trabalhar na Suiça

Para ser um imigrante legal, você tem algumas opções, no entanto, muitos brasileiros podem ter a cidadania europeia. Com isso, o país emite o visto e o imigrante brasileiro e você pode ficar no país tranquilizante. Contudo, para  quem não tem direito a cidadania deve buscar pelo visto de trabalho, solicitado pela empresa Suíça e as especificações das autoridades governamentais do país. As autoridades suíças notificam através do e-mail  o consulado suíço no Brasil, que emite o documento.

Como funciona a cidadania na Suíça?

O cidadão brasileiro pode obter a cidadania estrangeira em situações como: nascido em território estrangeiro; ascendência estrangeira; ou o naturalizado por casamento com cidadão europeu e por residir na Europa há muitos anos.

Vários países da União Européia concedem a dupla cidadania, mas também, existem aqueles que não, como poer exemplo, a Holanda e a Rússia. Para esses países o imigrante deverá renunciar à cidadania do país de origem e solicitar o passaporte de cidadão.

Vagas para trabalhar na Suíça

Existe uma possibilidade ótima para os candidatos as vagas de emprego na Suíça, devem procurar os órgãos  responsáveis, pois, os imigrantes brasileiros em qualquer profissão que procure cargos, devem saber que existem as cotas para cada país. Sendo assim um brasileiro em igual condições com um europeu terá que disputar a vaga. Contudo,  é importante que tenha uma fluência no inglês é para que esteja na frente.

As vagas para a ONU devem ser selecionadas através do site https://careers.un.org/lbw/Home.aspx . Então faça um perfil e procure por essas vagas, após isso candita-se A plataforma tem vagas no mundo todo, então a chance é ainda maior.

Salário na Suíça

Na Suíça o salário mínimo não é especificado como as leis brasileiras, no entanto, os interessados podem buscar os valores em uma ferramenta via internet. O órgão federal suíço faz as contas das estatísticas e demonstra a média salarial das diversas áreas de atuação, basta acessar site PayScale. No país há uma demanda grande de sindicatos sendo assim é ainda mais fácil acordos de salários.

Desempregados na Suíça

Como já vimos, a  Suíça tem diversas diferenças de leis trabalhista em vista do Brasil, assim também a maneira de tratar os desempregados. Quando uma pessoa é demitida da empresa, ela receber até 80% do seu último salário, e isso pode levar até dois anos de duração.

O Estado ajuda esse cidadão em sua procura por outro trabalho, seja através de distribuição ou formulação de currículos. Além disso, os desempregado tem direito a uma grande variedade de cursos gratuitos para que possa retornar no mercado de trabalho.

Aprenda mais sobre a Suíça

A Suíça é um país que pertence a Europa Central muito lindo, com natureza exuberante. Ao se adentrar no país já podemos observar os inúmeros de lagos, picos elevados dos Alpes e muita natureza. As cidades se revelam pela arquitetura medievais e bairros épicos, além disso, vários monumentos como a torre do relógio Zytglogge. Esse lugar fica na capital Berna. Foi na lá que se popularizou as estações de esqui e trilhas na neve.

Resumindo sobre como é trabalhar na suíça

Este artigo fez um resumo de todo o processo de ir trabalhar na Suíça e como é a vida em uma cidade Europeia. Os imigrantes a fim de encontrar uma vaga e os que almejam expandir sua carreira profissional podem levar as informações em consideração, para que assim tenham tranquilidade no processo. Embora não esteja difícil encontrar boas oportunidade devemos ser bastante persistentes.

CONTINUE LENDO ➜

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.


*


%d blogueiros gostam disto: