Veja o “Corona voucher” – auxilio familiar de R$600

Devido a todo esse descontrole que a Covid-19 nos causou, muitos desempregos, estabelecimentos fechados, entre tantas outras dificuldades que os brasileiros estão passando, portanto, o governo criou o “Corona voucher” que irá ajudar trabalhadores informais!

Corona voucher, é um auxilio emergencial no qual poderá estar lhe ajudando para sua alimentação, dessa forma, sendo que os trabalhos foram paralisados para a contenção da covid-19 em nosso país!

Sendo assim, o governo estará disponibilizando esse auxilio emergencial, a você trabalhador informal! Confira agora, quem pode se cadastrar, como receber e o que fazer para obter o auxílio!

Quem pode receber esse auxilio Corona voucher?

As pessoas que podem receber esse auxilio devem ter mais de 18 anos, não possuir um emprego formal, a renda familiar per capta deve ser de meio salário mínimo R$ 522,50 (por pessoa) totalizando no máximo até três salários mínimos, ou seja R$ 3.155 no total!

A pessoa também, não deve ter recebido direitos tributários em 2018 acima do valor de R$ 28.559,70! Entretanto, é necessário deixar claro que a pessoa que possuir o seguro desemprego, ou qualquer programa beneficiário, exceto o bolsa-família, também não poderá pegar o benefício!

Portanto, se você só recebe o bolsa-família como auxilio, você pode receber esse auxilio “Corona-voucher”

É necessário que o trabalhador exerça uma dessas funções:

  • Ter inscrição no Cadastro Único – programas sociais do Governo Federal, para realmente confirmar que é um trabalhador informal!
  • (MEI). Realmente exercer e contribuir com atividades microempreendedoras individuais
  • Ser contribuinte do RGPS

Posso acumular benefícios com o Corona voucher?

É possível acumular benefícios somente com o auxílio do Bolsa-família, porém, só duas pessoas da família podem ter o acesso ao bolsa-família, mais do que isso, não é permitido, portanto, se é uma família de 5 pessoas, somente 2 pessoas dessas 5 podem estar recebendo o auxílio bolsa-família!

A verificação será feita pelo Cadastro Único, caso a pessoa não tenha cadastro único, irá ser disponibilizada uma autodeclararão em plataformas digitais!

É importante dizer, que a soma para conseguir o benefício, será feita por pessoas que moram na mesma residência, e o bolsa-família não será somado a renda da família!

Informação necessária!

Em casos de pessoas portadoras de deficiência ou idosos, que são candidatos a ter o auxílio Benefício de Prestação Continuada –BPC poderão ter a antecipação do Corona-Voucher pelo INSS, contudo, terão o benefício de R$ 600.00 mensais!

Porém, para isso acontecer é necessário que se tenha uma avaliação, e essa avaliação pode demorar pois depende do agendamento com assistentes sociais do INSS, e também por médicos peritos!

OBS: para o candidato ter esse direito, ele precisará ter cumprido 12 meses de contribuição! E é necessário que apresente também atestado médico, para confirmar a real situação! A análise será definida pelo INSS, Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia!

Como irei receber o auxilio Corona voucher?

O pagamento do auxílio Corona-Voucher será pago pelos bancos federais públicos, por meio da poupança social, mas, fique tranquilo que essa conta será aberta automaticamente em nome dos beneficiários!

Não haverá taxas de manutenção!

Entretanto, a pessoa que receber esse auxilio poderá fazer transferência eletrônica, sem custos, para sua conta bancaria, autorizada pelo Banco Central!

Não deixe de se inscrever

Esse auxilio poderá ajudar milhares de famílias inclusive a sua, afinal, a crise que estamos enfrentando não está sendo fácil, é necessário que sua família, possuía esse benefício, para que vocês fiquem mais tranquilos!

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.


*


%d blogueiros gostam disto: